Morando Sozinho #2 Por que sair de casa?

Por que sair de casa e o que isso impacta em ser quem você é? Sair de casa vai te ajudar a conquistar o que você deseja? Continue lendo para saber mais!

Nesta série de 5 artigos conto como saí de casa, as maiores consequências e o que isso implica na vida de um adulto. A série é feita de:

  1. Como saí de casa?
  2. Por que sair de casa?
  3. Como escolher um bom apartamento?
  4. Sair do armário e de casa
  5. Conquistando a independência financeira
  6. Quem casa quer casa

Lembrando que essas são as minhas vivências. Embora eu faça parte de uma minoria social e política, tenho grandes privilégios por ser homem e cis e isso precisa ser levado em conta. Leia com atenção, absorva o que for útil e, o mais importante, seja responsável pela sua segurança.

Por que sair de casa?

Geração Canguru” são chamados os jovens entre 25 e 34 anos que optam por continuar morando com os pais. 60% deles são homens, e, segundo a Síntese de Indicadores Sociais do IBGE 2016, as razões podem estar entre prolongamento de estudos e cunho psicológico(dependência emocional, acomodação ao padrão de vida dos pais, etc.). Você faz parte deste grupo?

Eu não.

Jovens gays e bissexuais são 6 vezes mais propensos a tentar suicídio, e o número aumenta se você for preto. Como parte desse recorte, posso dizer que sair de casa me ajudou muito pela:

  • Independência

A beleza da mudança é a perspectiva de novos ares. Mudar ajuda se distanciar psicologicamente das amarras anteriores, deixando nas suas mãos a responsabilidade de tomar novas decisões. Isso foi muito importante para a cura de minha disforia e depressão, por mais que eu tenha ficado sozinho por muito mais tempo.

  • Liberdade

Se você tem a oportunidade de explorar quem você é morando com seus pais, vá em frente e aproveite. Mas quase nunca isso é possível: escolher os horários, pessoas, caminhos, decisões financeiras… tudo isso precisa ser levado em conta pelas pessoas na qual você divide o teto.

  • Privacidade

Privacidade é fator essencial para a sanidade mental. Ela é importante porque nós, como seres humanos, precisamos de momentos no qual não existam julgamentos alheios. Tais momentos moldam nossos gostos, expressões e o modo com nos conectamos no outras pessoas.

Sair de casa foi a solução para os meus problemas?

Pra mim foi, mas acabou criando outros. Sair de casa custa caro. Muito caro!

Não é difícil encontrar pesquisas que mostrem a quantidade de pessoas que moram sozinhas e são inadimplentes de alguma maneira. Para morar sozinho é preciso ter grana e saber gerenciá-la muito bem.

E a solidão é enorme. Fazer amigos sendo adulto é difícil, e mesmo estando perto das pessoas que amo, nem sempre elas estão disponíveis para uma conexão emocional. Considero esse o ponto mais difícil de uma mudança, e é uma problemática impossível de ser resolvida: a gente apenas aprende a conviver com a própria companhia.

 

Se ficou alguma dúvida, pode comentar por aqui, ou no Twitter e Instagram. Logo logo sai o #3!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *